|
NOTÍCIAS
|
PRISÕES
|
FALE CONOSCO
|
FONES E ENDEREÇOS
|
Login
|
 
Enviar por email Comunicar erros Receber Boletim Imprimir
Contraste
Mapa do site
RSS
Menu
Seu IP
54.167.249.155
ec2-54-167-249-155.compute-1.amazonaws.com
Woodbridge - United States - NA
Latitude : 40.552501678467
Longitude : -74.291496276855
Seu Browser
CCBot/2.0 (http://commoncrawl.org/faq/)
QR code
http://www2.policiacivil.sp.gov.br/x2016/modules/news/article.php?storyid=129
Noticias em Geral : Prevenção e educação contra o uso e o tráfico de drogas
22/06/2007 00:00:00 (6063 leituras)

Notícia importada pelo sistema

A Divisão de Prevenção e Educação (Dipe), que pertence ao Departamento de Investigações Sobre Entorpecentes (Denarc), vem executando um trabalho social muito importante na questão do usuário e dependentes de substancias químicas. 
 
Aprimorando o atendimento que a polícia presta na prevenção ao uso de drogas, a Dipe foi criada há 18 anos. Desde 2004 ela é dirigida pelo delegado divisionário Edemur Ercílio Luchiari, que também ministra palestras e cursos sobre o tema. 
 
Todo o trabalho foi pensado no intuito de resolver o problema do tráfico de drogas. “Na medida em que cresce o tratamento na prevenção das drogas, não tem como não perceber que ela tem uma origem. Essa origem está no uso indevido da droga, que leva ao tráfico”, diz Marçal Honda, delegado e palestrante da Dipe. A partir disso, a polícia passou a se preocupar não somente em prender, mas trabalhar na prevenção para evitar o aumento do tráfico. 
 
A experiência no assunto fez com que o Denarc criasse um setor específico para cuidar e prevenir futuros dependentes. Definiram então um padrão de atendimento e cursos, que são ministrados por policiais da Dipe, a fim de reprimir o tráfico e ajudar familiares e usuários. Com base no conhecimento adquirido no dia-a-dia da profissão sobre traficantes e dependentes, a idéia era elaborar um currículo onde as pessoas possam sair com um mínimo de informações para uma base de reflexão. 
 
O curso básico de “Formação de Agentes Multiplicadores” tem um total de 20 horas. Chama-se “agentes multiplicadores” porque todo aprendizado é passado adiante, tanto por familiares, educadores ou profissionais que tratam do assunto. Seu foco é abordar questões relacionadas ao ser humano, dos motivos que o levam ao uso de drogas e a participação da família nesse contexto. Para o público em geral, o curso é feito com “vontade e interesse em ajudar as pessoas”, conforme define o delegado Honda. 
 
A Dipe também atende as solicitações de escolas, entidades comunitárias e religiosas, no sentido de orientá-los no melhor caminho para prevenção e tratamento. No interior do Estado, esse trabalho é feito pelo Programa de Atendimento ao Interior, que leva esses mesmos cursos para todas as regiões . “Se a pessoa tem um problema na família, temos um setor de atendimento aqui. Se ela quiser um pouco mais , se aprofundar no conhecimento para lidar melhor com o problema, a gente oferece o curso”, define Honda. 
 
No caso dos dependentes químicos, existe na Dipe o Setor de Convênios e Encaminhamento de Dependentes, onde é feito um atendimento preliminar e quando necessário, encaminha-se o usuário a um grupo de tratamento ou até mesmo ao tratamento ambulatorial.
 
A divisão também mantém o Museu Nestor Sampaio Penteado, que oferece acervo sobre os diversos tipos de drogas, objetos e métodos utilizados por traficantes, artigos e matérias jornalísticas relacionadas a entorpecentes, novos tipos de tráficos e registros históricos. É aberto ao público e ilustra o que se aprende nas palestras. 
 
A Dipe continuará efetuando cursos e palestras para prevenir o aumento do uso das drogas e estará, contribuindo assim, com a redução da criminalidade. 
 
 
 
Por Silvia Freitas
 


Veja aqui a notícia original com fotos



Outros Artigos
30/07/2014 14:40:00 - Denarc apreende 500 kg de maconha e prende tailandesa com 1,5 kg de cocaína
24/07/2014 08:20:00 - Polícias prendem nove e recuperam carga avaliada em R$ 1 milhão
21/07/2014 19:20:00 - Polícia Civil realiza a Operação ABC Limpo
21/07/2014 13:10:00 - Polícia Civil prende 2º suspeito da morte de PM em Suzano
16/07/2014 20:50:00 - Polícia Civil detém homem com carro roubado na Capital

Ultimas prisões - operações - apreensões
Creative Commons License
O conteúdo deste site esta licenciado sob (This work is licensed under a) Creative Commons Atribuição-No Derivative Works 3.0 Brasil License.
Permitida a reprodução, apenas se citadas a fonte e autoria
-
Enviar por email Comunicar erros Receber Boletim Imprimir Mapa do site
RSS
Polícia Civil do Estado de São Paulo - R. Libero Badaró 39 - São Paulo/SP - CEP 01009-000