|
NOTÍCIAS
|
PRISÕES
|
FALE CONOSCO
|
FONES E ENDEREÇOS
|
Login
|
 
Enviar por email Comunicar erros Receber Boletim Imprimir
Contraste
Mapa do site
RSS
Menu
Seu IP
54.211.201.65
ec2-54-211-201-65.compute-1.amazonaws.com
Woodbridge - United States - NA
Latitude : 40.552501678467
Longitude : -74.291496276855
Seu Browser
CCBot/2.0 (http://commoncrawl.org/faq/)
QR code
http://www2.policiacivil.sp.gov.br/x2016/modules/news/index.php?storytopic=0&start=2460
« 1 ... 490 491 492 (493) 494 495 496 ... 1000 »
Noticias em Geral : Polícia Civil esclarece latrocínio que vitimou advogada na Rua Vergueiro
20/06/2012 19:16:25 (583 leituras)

A Polícia Civil esclareceu nesta quarta-feira (20), o latrocínio (roubo seguido de morte) que vitimou no último dia 17, a advogada Renata Fabiana de Campos Moraes. Três adolescentes de 17 anos: P.H.S.C., A.S.C. e F.K.L., e um quarto, ainda não identificado, foram os autores do crime.

Filmagens colhidas do sistema de segurança de um prédio da Rua Vergueiro, onde a advogada foi abordada, mostraram três rapazes praticando o crime. Com as imagens, policiais civis do Setor de Inteligência do 95º DP (Cohab Heliópolis) conseguiram a identificação de dois participantes: A.S.C. e P.H.S.C., e então outra equipe do distrito diligenciou até a casa dos dois adolescentes. O primeiro foi encontrado e levado à delegacia para averiguação.

No 95º DP, A. contou aos policiais que P. o convidou para dirigir um GM/Corsa preto, em um “rolê”, juntamente com outros dois rapazes, e que ao passarem pela Rua Vergueiro, na altura no nº 9.113, avistaram duas mulheres dentro de um carro estacionado. P. então teria lhe pedido para parar o Corsa, ao que obedeceu, e de dentro do GM preto, ele observou o trio se dirigir ao carro da advogada e retornar correndo, poucos minutos depois, pedindo que desse rápido partida dali, não tendo ocorrido o roubo pretendido do veículo de Renata.

Somente quando chegaram à Favela Heliópolis, A.S.C. alega ter sabido que Renata havia sido atingida por disparo de arma de fogo.

O GM/Corsa preto utilizado no latrocínio foi apreendido no dia seguinte ao crime (18), na posse dos irmãos R.N.R.S., de 20 anos, e R.N.R.S., de 16, autuados respectivamente por receptação e ato infracional.

C.M.N.M., que estava com a advogada Renata no momento do crime, reconheceu P.H. como um dos autores do roubo seguido de morte. Ele também foi reconhecido por uma outra vítima de roubo de veículo praticado neste ano, na área do 26º DP (Sacomã).

A Polícia Civil agora trabalha para identificar e localizar o quarto envolvido no latrocínio.


Por Kerma Sousa Matos

Leia mais... | Mais 2890 bytes
Noticias em Geral : Paraguaio é preso com 98 tijolos de maconha em quarto de hotel no Centro da Capital
20/06/2012 14:01:00 (370 leituras)

Policiais civis do 1º DP da Capital (Sé) apreenderam 98 tijolos de maconha em um quarto de hotel na Rua da Cantareira, Parque Dom Pedro II, Centro da cidade, às 13:15 de terça-feira (19) e prenderam em flagrante por tráfico de entorpecentes, o mecânico paraguaio M.A.R.R., de 23 anos.

Após terem recebido denúncia anônima sobre tráfico de drogas, os policiais civis do 1º DP passaram a monitorar um pequeno grupo de paraguaios que se hospedava periodicamente em um mesmo hotel da Rua da Cantareira, e observaram que nesse estabelecimento homens entravam com grandes sacolas pretas deixando a mostra peças de vestuário, dando a entender que seriam possivelmente vendedores ambulantes.

Desconfiando do conteúdo das sacolas, os policiais seguiram M.A.R.R. até o hotel, obtiveram o número do quarto em que ele estava hospedado e batendo à porta lhe solicitaram entrada. M. permitiu que os policiais vistoriassem o quarto, o que resultou no encontro de cinco grandes sacolas de roupas, em que estavam escondidas, entre as peças, os tijolos de maconha.

Outros três envolvidos com a venda dos 98 tijolos de droga foram apontados pela recepcionista do hotel, que disse aos policiais ter alugado o quarto em que estava M.A.R.R., para M.R., também paraguaio, e que um casal de jovens desconhecidos transportou as sacolas pretas até o local.

Além da droga, foram apreendidos no quarto do hotel as sacolas com as peças de roupa, documentos e uma passagem rodoviária em nome de M.A.R.R., com destino a Foz do Iguaçu/Paraná.


Por Kerma Sousa Matos

Leia mais... | Mais 2227 bytes
Noticias em Geral : Sete traficantes são presos com 40 tijolos de cocaína em chácara de Mogi Guaçu
20/06/2012 13:30:00 (1700 leituras)

Policiais civis da 2ª Delegacia da Divisão de Investigações Sobre Entorpecentes (Dise), do Departamento de Investigações Sobre Narcóticos (Denarc), prenderam sete traficantes e apreenderam 40 tijolos de cocaína (de 38,706 kg, no total) em uma chácara chamada São Miguel Arcanjo, em Mogi Guaçu, na tarde dessa terça, dia 19.

Foram indiciados por tráfico de entorpecentes L.R.S.R., 20 anos, A.C.P.V., 51 anos, D.A.C., 31 anos, A.P., 32 anos, C.N.B., 35 anos, P.F.D.S., 51 anos, e U.V.P., de 31 anos.

Os policiais haviam recebido denúncia de que um veículo GM/Vectra, branco, 1997, com placas de Minas Gerais, chegaria carregado de entorpecentes em uma chácara do loteamento Lago Azul, em Mogi Guaçu, onde estariam vários homens aguardando o carregamento.

Em campana próxima à chácara São Miguel Arcanjo, os agentes do Denarc observaram a entrada de vários carros no local, os quais não saíam, e ao avistarem o veículo GM/Vectra, abordaram o condutor L.R.S.R., entrando em seguida na chácara, onde encontraram os outros seis traficantes.

Questionados pelos policiais, um dos traficantes confessou estar esperando pela droga - A.C.P.V. engatou ré no veículo Vectra, apertou um botão acima do banco do passageiro, que se deslocou e expôs um fundo falso, onde estavam armazenados os tijolos de cocaína.

Na chácara foram apreendidos ainda além das drogas e do Vectra, um Renault/Sandero, branco, 2012, placas de Sete Lagoas/MG, um VW/Gol Especial, branco, 2003, e uma Mitsubishi/L200 Triton, preta, 2009.


Por Kerma Sousa Matos

Leia mais... | Mais 2170 bytes
Operações Policiais : Megaoperação fecha desmanche clandestino em Campinas
19/06/2012 18:37:46 (865 leituras)

A Polícia Civil de Campinas, em conjunto com outros órgãos federais, estaduais e municipais, realizou hoje (19) uma megaoperação que resultou na localização de um grande desmanche que funcionava na Vila Georgina, zona sul de Campinas.

A operação denominada “CAMcROVE 1 – Campinas contra Roubo de Veículos”, trata-se de um projeto operacional que conta com a participação de órgãos de todo o país para o enfrentamento de crimes contra o patrimônio. A supervisão da operação fica a cargo da diretoria do Deinter 2 (Departamento de Polícia Judiciária de São Paulo Interior – Campinas), e a ordem é fiscalizar desmanches, trabalhar na prevenção e repressão ao furto, roubo e receptação de veículos.

O comércio de peças usadas no bairro Vila Georgina foi vistoriado por toda a equipe e nele foram encontradas diversas irregularidades. Além do farto material localizado proveniente de desmanches de veículos, o local também possuía extintores de incêndio com data de validade vencida, e segundo constatação da Secretaria Municipal de Meio Ambiente, o excesso de óleo derramado contaminou o solo.

Três indivíduos que estavam no estabelecimento possuíam passagem criminal, sendo um deles procurado pela Justiça, o qual foi recolhido à Cadeia Pública.


Por Silvia Freitas

Foto: DIG Campinas

Leia mais... | Mais 2058 bytes
Noticias em Geral : Bando monta cativeiro em bairro classe média de Campinas
19/06/2012 18:31:48 (663 leituras)

A Polícia Civil descobriu na tarde de ontem (18) um cativeiro utilizado por uma quadrilha especializada em roubo de caminhões. O cárcere foi montado dentro de uma casa no Jardim Eulina. O cômodo utilizado teve as janelas lacradas com tapumes e plástico. Também contava com um cano com fluxo de água e um penico. Integrantes da 1ª Divecar (Delegacia de Investigações sobre Furtos e Roubos de Veículos) do Deic (Departamento Estadual de Investigações Criminais) prendeu três envolvidos no esquema. Um deles é paraplégico.

A equipe da 1ª Divecar apurava o roubo em estacionamento na terça-feira passada (12) na cidade de São Paulo. As investigações levaram os policiais até uma casa na rua Santo João Bandoni, local tranquilo e acima de suspeitas. O veículo roubado na capital – Fiat Palio - estava na garagem do imóvel.
Os policiais aguardaram a chegada dos moradores. Dois envolvidos acabaram detidos ao entrarem no imóvel. Um deles, o motorista V.R.S., de 39 anos, usava uma cadeira de rodas. Ele estava acompanhado do também motorista A.F.A.P., de 39. Dentro da casa foi detido o pedreiro C.L.O., de 39.

Os investigadores constaram que o Palio teve as placas trocadas. Na casa foram encontrados um colete balístico e nove aparelhos celulares. A equipe ficou intrigada ao localizar o cômodo lacrado. Os detidos preferiram não revelar detalhes sobre a utilização do imóvel.

A suspeita é que o carro seria usado em ataques contra motoristas de caminhões. As vítimas ficaram detidas no cativeiro, localizado nas proximidades da rodovia Anhanguera, enquanto os veículos roubados eram desmanchados.

Os três foram autuados por receptação e adulteração de sinal identificador de veículo automotor.


Maurício Rodrigues, da Assessoria de Comunicação do Deic

Imagem: Google

Leia mais... | Mais 2628 bytes
« 1 ... 490 491 492 (493) 494 495 496 ... 1000 »
Ultimas prisões - operações - apreensões
Creative Commons License
O conteúdo deste site esta licenciado sob (This work is licensed under a) Creative Commons Atribuição-No Derivative Works 3.0 Brasil License.
Permitida a reprodução, apenas se citadas a fonte e autoria
-
Enviar por email Comunicar erros Receber Boletim Imprimir Mapa do site
RSS
Polícia Civil do Estado de São Paulo - R. Libero Badaró 39 - São Paulo/SP - CEP 01009-000