|
NOTÍCIAS
|
PRISÕES
|
FALE CONOSCO
|
FONES E ENDEREÇOS
|
Login
|
 
Enviar por email Comunicar erros Receber Boletim Imprimir
Contraste
Mapa do site
RSS
Menu
Seu IP
54.90.128.222
ec2-54-90-128-222.compute-1.amazonaws.com
Woodbridge - United States - NA
Latitude : 40.552501678467
Longitude : -74.291496276855
Seu Browser
CCBot/2.0 (http://commoncrawl.org/faq/)
QR code
http://www2.policiacivil.sp.gov.br/x2016/modules/news/index.php?storytopic=0&start=640
« 1 ... 40 41 42 (43) 44 45 46 ... 335 »
Noticias em Geral : Laboratório de entorpecentes funcionava em apartamento de Guarulhos
24/01/2014 12:22:42 (539 leituras)

A Polícia Civil descobriu um laboratório de refino de cocaína dentro de um apartamento em Itapegica, em Guarulhos, na Grande São Paulo. Integrantes da 1ª Divecar (Delegacia de Investigações sobre Furto e Roubo de Veículos), do Deic, investigavam a utilização de um Fiat Uno na condição de NP (não pago), ou seja, de veículo adquirido de maneira fraudulenta e acabaram descobrindo que o proprietário o utilizava para transportar drogas.

A abordagem do proprietário aconteceu em um estacionamento na Avenida Ataliba Leonel, zona norte da Capital, na tarde de quarta-feira (22). Toda a ação permitiu a apreensão do automóvel e de 79 kg de entorpecente.

O responsável pelo armazenamento e transporte da cocaína era o estudante R.H.P., de 31 anos. Na vistoria ao carro, os policiais descobriram um compartimento secreto no painel, dentro do qual encontraram oito tabletes do entorpecente.

R. acabou levanto os policiais até um apartamento localizado na Avenida Carlos Ferreira Endres, local onde, além de mais cocaína, eles encontraram todo o aparato de um laboratório para se misturar e embalar drogas. Também localizaram uma pistola calibre .380. O estudante foi autuado por tráfico de drogas e porte de arma.


Por Mauricio Rodrigues – Assessoria de Comunicação do Deic (com adaptações)

Noticias em Geral : Motorista é preso depois de fuga alucinada e responderá por seis crimes
24/01/2014 10:41:48 (696 leituras)

A Polícia Civil prendeu em flagrante um motorista por receptação, no momento em que conduzia um caminhão roubado em São Miguel Paulista, zona leste. Integrantes da 1ª Divecar (Delegacia de Investigações sobre Furto e Roubo de Veículos), do Deic (Departamento Estadual de Investigações Criminais), tiveram que enfrentar a reação violenta de fuga do acusado, que atropelou um motoqueiro, atingiu um carro de passeio e destruiu parte de uma grade de proteção de uma linha férrea para poder escapar pelos trilhos. Mesmo assim, a equipe deteve o fugitivo, na tarde de quarta-feira (22).

Os policiais da 1ª Divecar apuravam a ação de uma quadrilha especializada em roubo e receptação de veículos e descobriram que um caminhão Volkswagen roubado, com placas trocadas, estava na Rua Maria Vieira, Jardim Helena, zona leste. Os investigadores mantiveram observação sobre o caminhão e flagraram a chegada do motorista W.R.S.C., de 28 anos.

W. entrou na boleia e colocou o caminhão em movimento. A equipe tentou fazer a abordagem, mas o motorista acelerou o veículo e fugiu. Para retardar a ação policial, ele atingiu um motoqueiro, de 34 anos. A motocicleta Honda 125 Titan foi destruída. Em seguida bateu em Fiat Uno e depois de percorrer pouco mais de três quilômetros, W. atingiu a cerca de proteção da linha férrea.

A fuga só terminou nos trilhos quando os policiais conseguiram alcançá-lo. Ele carregava um simulacro de pistola. W. foi autuado por receptação, adulteração de sinal identificador de veículo, resistência, porte de arma, dano e tentativa de homicídio.


Por Mauricio Rodrigues – Assessoria de Comunicação do Deic (com adaptações)

Operações Policiais : Polícia Civil de Rio Preto prende duas mulheres por sequestrar e extorquir idosos
23/01/2014 20:00:00 (715 leituras)

As Delegacias de Investigações Gerais e sobre Entorpecentes (DIG/DISE) de São José do Rio Preto prenderam duas mulheres que sequestravam e extorquiam idosos na região.

Um dos crimes aconteceu no último dia 15 de janeiro, quando O.R., um homem de 65 anos, havia desaparecido e reapareceu um dia depois contando que havia sido sequestrado e mantido em cárcere privado, numa casa no Jardim Manoel Delarco, por duas mulheres. Na ocasião a dupla abordou a vítima, roubando seu dinheiro e veículo e levou-o a casa onde vivem juntas. Lá o idoso sofreu agressões físicas e psicológicas, e foi mantido amarrado sob ameaça de uma faca. No dia seguinte, a vítima saiu com elas para fazer os saques e compras com seus cartões de crédito, e ainda teve vários objetos subtraídos de sua residência. A ação culminou com a venda do seu veículo que, avaliado em R$ 13 mil, foi vendido por menos da metade do preço.

Diante do acontecido, o delegado da DIG representou contra a dupla, que foi presa temporariamente por determinação da Justiça da comarca. Após a prisão, os policiais procederam com as investigações e descobriram outros crimes semelhantes ocorridos na cidade. 

Outros crimes

Em novembro do ano passado, a vítima escolhida foi D.G., um homem de 70 anos de idade, que vendia frutas às margens de uma avenida na zona norte. Ele também foi espancado e teve todo seu dinheiro e celular roubados.

Em agosto de 2013 as duas mulheres roubaram A.R.M., de 82 anos de idade. Desta vez, como a vítima conhecia uma delas, deixou que entrassem em sua casa de onde se aproveitaram para subtrair mais de R$ 3 mil em dinheiro. Dois meses depois, a mesma vítima foi abordada pela dupla, que o colocaram no carro e, após agressões, lhe roubaram o dinheiro da aposentadoria. Em seguida o idoso foi abandonado numa estrada de terra sem sapatos.

O alto grau de perversidade, frieza e astúcia das acusadas, surpreenderam os policiais civis. As vítimas se emocionaram ao descrever a barbárie que sofreram nas mãos das autoras.

As mulheres, J.C.O.S. de 23 anos, e T.C.R.E.S. de 30, foram presas e indiciadas por extorsão, cárcere privado e roubo qualificado. O comprador do veículo de O.R. já foi ouvido e será indiciado por receptação qualificada. O veículo da dupla usado nos crimes foi apreendido e deverá ser vendido para restituir os prejuízos aos idosos lesados.

Fonte e fotos: Unidade de Inteligência Policial (UIP) – Deinter 5 (São José do Rio Preto)

Adaptação: Rina Ricci

Operações Policiais : Comerciante flagrado com caixas carnes roubadas
23/01/2014 19:40:00 (517 leituras)

A Polícia Civil prendeu um comerciante com 90 caixas de carnes roubadas. Ele é dono de um açougue em Ferraz de Vasconcelos, na Grande São Paulo. A ação aconteceu na manhã de hoje (23).

Integrantes da 2ª Divecar (Delegacia de Investigações sobre Roubos de Cargas) do Deic (Departamento Estadual de Investigações Criminais) apuravam o ataque contra o caminhão frigorifico, ocorrido horas antes na cidade de Poá, na mesma região. As informações permitiram encontrar os produtos dentro do comércio.

A equipe da 2ª Divecar prendeu o comerciante E.S.F., de 37 anos. As caixas de carnes estavam no açougue localizado na avenida Brasil, na Vila Corrêa. A empresa vítima informou a recuperação de 90% da mercadoria. O comerciante indiciado alegou que apenas ficou com o material em consignação. Ele foi autuado por receptação.


Maurício Rodrigues
Assessoria de Comunicação - Deic

Operações Policiais : Líder de roubo de cargas preso na Zona Norte
23/01/2014 19:30:00 (1280 leituras)

A Polícia Civil prendeu um importante líder de uma quadrilha especializada em roubo de cargas. A ação, desenvolvida por integrantes do Garra (Grupo Armando de Repressão a Roubos e Assaltos) do Deic (Departamento Estadual de Investigações Criminais), aconteceu na manhã de hoje (23) na Vila Zatt, Zona Norte. A equipe encontrou nesse local refrigeradores, fogões, coifas e outros eletrodomésticos. Também apreenderam uma pistola, um revólver e três simulacros idênticos a fuzis AR-15.

Segundo o delegado Walter Ferrari, do Garra, a equipe apurava denúncia de um depósito de carga roubada. Os policiais chegaram até um imóvel de quatro pavimentos na rua Fausto Lex. Os investigadores foram recebidos pelo comerciante W.P.O., de 41 anos.

A equipe do Garra contatou que o comerciante era ex-PM e procurado por roubo de carga. Ele tentou contornar a situação propondo um pagamento e a entrega de um revólver. Os policiais aguardaram a chegada do emissário – o mecânico M.I.S., de 27 - com a entrega.

O mecânico acabou preso. Os policiais passaram a vistoriar a residência. Encontraram o material estocado nos cômodos. Os detidos foram elevados para a 2ª Divecar (Delegacia de Investigações sobre Roubos de Cargas) e autuados por receptação e corrupção.

Maurício Rodrigues
Assessoria de Comunicação - Deic

Noticias em Geral : Experiência do Necrim da Polícia Civil paulista será apresentada em evento gaúcho
23/01/2014 16:40:00 (432 leituras)

Entre os dias 11 e 14 de março de 2014, acontecerá o seminário "A Polícia Civil Gaúcha e os Direitos Humanos: compromissos com a Cidadania”.

O evento, promovido pela Academia de Polícia Civil do Rio Grande do Sul, será sediado em Porto Alegre e contará com a presença da delegada de polícia aposentada e professora da Academia de Polícia Civil, Tereza Cristina Albieri Baraldi, que apresentará o tema: "Práticas Alternativas de Solução de Conflitos: A Experiência do NECRIM de SP", tendo como debatedor o delegado Mário Wagner.

A palestra da delegada paulista será no dia 14 de março, às 10h30. Durante 50 minutos, ela poderá apresentar aos participantes do evento os conhecimentos adquiridos pela Polícia Civil do Estado de São Paulo quanto ao funcionamento do Núcleo Especial Criminal (Necrim), um projeto inovador que permite a atuação do delegado de polícia conciliador, e coloca a autoridade de polícia judiciária na posição de mediador na fase pré-processual, com a finalidade de resolver casos de conflitos relativos aos crimes de menor potencial ofensivo. 

Maiores informações sobre o seminário poderão ser obtidas na ocasião pelo site: www.pc.rs.gov.br

por Rina Ricci

Operações Policiais : Grande operação em Hortolândia e região desarticula quadrilha
23/01/2014 11:00:00 (1279 leituras)

Após três meses de investigações, os policiais civis de Hortolândia e região desarticularam uma quadrilha que praticava o tráfico de drogas. Três pessoas foram presas, entre elas o suposto líder. As drogas e outros materiais encontrados foram apreendidos.

A operação aconteceu no final da tarde de quarta-feira (22) e teve o apoio das Delegacias de Investigações Gerais (DIG) e sobre Entorpecentes (Dise) de Americana, da Seccional de Piracicaba e do Município de Nova Odessa. 

Na ocasião, os policiais entraram em residências do Parque Orestes Ongaro, para busca e apreensão dos materiais ilícitos. Lá foram encontrados drogas, insumos, armas, dinheiro, celulares e veículos.  Entre os autuados estava o líder da quadrilha. 

D.R.M., 34 anos; S.G.R., 33; W.C., 23, foram presos em flagrante e encaminhados à Cadeia Pública de Sumaré. Eles deverão responder por receptação, associação de pessoas ao tráfico e porte irregular de arma de fogo.

Ao todo foram apreendidos cinco veículos e quatro motos, diversos materiais para fabricação e embalagem de entorpecentes tais como peneiras, sacos plásticos, facão, farinha, garrafões, balanças, bacias e mais de 35 quilos de pó branco e outros 48 pacotes de substância similar que seguirão para análise pericial. Também foram encontradas drogas prontas para comercialização, como maconha, cocaína e crack. Uma grande quantidade de dinheiro, vários relógios de pulso, duas armas municiadas, sendo uma delas com numeração suprimida e a outra produto de furto na cidade de Leme, além de uma caderneta com anotações, provavelmente indicando contabilidade do tráfico estão entre os objetos apreendidos.



por Rina Ricci
Fonte e fotos: Delegacia Seccional de Polícia de Americana

Noticias em Geral : Adolescente é apreendido com arma de fogo e drogas em Rio Preto
22/01/2014 19:04:46 (910 leituras)

A Delegacia de Investigações Gerais de São José do Rio Preto (Deinter 5) apreendeu na tarde desta terça-feira (21) um adolescente com uma arma de fogo e por tráfico de drogas. D.E.S. de 15 anos era investigado por comercializar drogas no Jd. Santo Antônio, zona norte da cidade.

Os investigadores da DIG/Dise receberam a informação de que o menor armazenava certa quantidade de drogas em sua casa para fins de tráfico. O adolescente foi abordado na rua e com ele foram encontrados R$ 25,00 em dinheiro, fruto do comércio de drogas.

O menor levou os policiais até sua residência, onde havia três tijolos de maconha, centenas de embalagens próprias para cocaína, três balanças de precisão, seis munições (cal. 22) e 30 munições de pistola (cal.380). D.E.S foi apresentado ao Juizado de Infância e Juventude para as medidas de praxe.

Foto: DIG/Dise de São José do Rio Preto                                                        Wilson Elias

Leia mais... | Mais 1453 bytes
Posses e Formaturas : Empossado o novo ouvidor de Polícia do Estado de SP
22/01/2014 14:14:56 (1657 leituras)

Cerca de 150 pessoas participaram da solenidade e lotaram o auditório da Secretaria da Segurança Pública

O delegado geral, Luiz Mauricio Souza Blazeck, participou na manhã desta quarta-feira (22), da posse do novo ouvidor das Polícias do Estado de São Paulo, Julio César Fernandes Neves. A cerimônia de posse foi realizada na sede da Secretaria de Segurança Pública (SSP), localizada na Rua Líbero Badaró, 39 – Centro/SP.

Ex-ouvidor adjunto, Julio Neves, foi escolhido pelo governador Geraldo Alckmin a partir de uma lista tríplice, formulada e apresentada pelo Conselho Estadual de Defesa dos Direitos da Pessoa Humana, por um mandato de dois anos, cuja nomeação foi publicada no Diário Oficial do Estado (DOE) do dia 13 de dezembro de 2013.

Entendo a Ouvidoria como um canal para que a própria população possa contribuir com o poder público, para garantir a todos os direitos humanos à segurança. Para que isso aconteça é necessário um relacionamento maduro e leal com a Secretaria de Segurança Pública, com as corregedorias, com o Ministério Público, com a Defensoria Pública e com a OAB de São Paulo”, afirmou Julio Neves, em seu discurso de posse.

Entre as autoridades presentes na solenidade merecem destaque: o secretário da Segurança Pública, Fernando Grella Vieira; o secretário-adjunto da Segurança Pública, Antonio Carlos da Ponte; o arcebispo de São Paulo, Cardeal Dom Odilo Pedro Sherer, o subcomandante geral da Polícia Militar, coronel Leônidas Pantaleão de Santana; a superintendente da Polícia Técnico-Científica, Norma Bonaccorso e os membros do Conselho da Polícia Civil (CPC).

Novo ouvidor

Julio César Fernandes Neves é casado e tem dois filhos. Advogado, formado em Direito pela Universidade Mackenzie, é membro da Comissão de Justiça e Paz da Arquidiocese de São Paulo.

Possui longa trajetória como militante de movimentos sociais de luta pela democratização do País em plena ditadura militar. Sua trajetória de militância nas causas sociais tem origem em 1978, quando ainda estudante universitário, se engajou em movimentos pela formação do comitê brasileiro de anistia, dando início à campanha pela anistia ampla, geral e irrestrita.

Foi procurador do INSS, advogado do Sindicato dos Motoristas e Trabalhadores de Transportes Rodoviários de São Paulo e conselheiro da CMTC. Em julho de 2005 foi nomeado assessor da Ouvidoria da Polícia do Estado de São Paulo como assessor jurídico.


Wilson Elias  

Leia mais... | Mais 4066 bytes
Noticias em Geral : Polícia Civil de Santos descobre laboratório de drogas em Praia Grande
22/01/2014 13:13:57 (783 leituras)

Policiais civis da Delegacia de Investigações Gerais (DIG) de Santos foram até Praia Grande, nessa terça-feira (21), averiguar denúncia anônima sobre a existência de um laboratório de drogas em um imóvel da Rua Artur Marques dos Santos, em Balneário Maracanã e acabaram apreendendo, neste e num segundo endereço, 24,7 kg de cocaína, 1,67 kg de maconha, 97 munições e 190 kg de insumo para preparação de droga.

A dupla da DIG fez campana próxima ao endereço denunciado (uma casa) e observou um homem, o servente T.M.C., de 28 anos, sair da garagem dirigindo um Dodge Journey. Os policiais o seguiram até outro imóvel, na Rua Thereza de Jesus Monteiro Corralo, em Paquetá, Praia Grande, onde T. entrou com o carro e vinte minutos depois, saiu em alta velocidade, deixando o portão aberto da garagem, como se soubesse da presença policial.

A equipe da DIG entrou na garagem aberta e no veículo Lifan que estava estacionado, acharam as drogas e uma caixa de isopor com as 97 munições: 70 cartuchos calibre 7.62, 18 calibre 9mm, 5 calibre .40 e um calibre 380. Dentro do imóvel foram apreendidos vários objetos, como balanças, dezenas de saquinhos para acondicionamento de drogas, liquidificadores, um tablet e o documento do Lifan.

Em seguida, já na casa denunciada, em Balneário Maracanã, os policiais encontraram os 190 kg de insumo para preparação de cocaína.

Tendo pesquisado os dois veículos, Lifan e Dodge, os policiais averiguaram que os proprietários tinham nomes diferentes, porém buscando informações nos RG's eles constataram que se tratava da mesma pessoa, o servente T.M.C., pois os dois documentos tinham a mesma foto. T., portanto, também atende por C.A.S., constante como o dono do Lifan.

Toda a droga, que, conforme apurou a polícia, era destinada ao abastecimento de pontos de tráfico na zona leste da Capital, foi apreendida, e o servente está sendo procurado.


Por Kerma Matos Oliver

Fotos: DIG de Santos

Noticias em Geral : Polícia de Avaré celebra o seu Santo Padroeiro
22/01/2014 12:00:00 (479 leituras)

A Polícia Civil de Avaré realizou na tarde da última segunda-feira, dia 20, pelo 14º ano consecutivo, mais uma edição da festa em louvor a São Sebastião. A comemoração contou com tradicional carreata e missa para homenagear o santo padroeiro dos policiais.

Cerca de 150 policiais civis e militares, além de convidados, se reuniram em frente ao Plantão de Avaré. Uma intensa queima de fogos foi o sinal para a saída da carreata que percorreu as principais ruas do município. Por onde passava, a comitiva recebia acenos da população.

Uma imagem do santo recebeu um arranjo de flores e foi suspensa em uma viatura. Batedores da Cavalaria e da Rocam, bem como da Polícia Civil, coordenaram a comitiva, que contou com a participação de dezenas de viaturas.

A chegada ocorreu no Santuário Nossa Senhora das Dores, igreja matriz da cidade, onde foi rezada missa em ação de graças e louvor ao santo. O responsável pela celebração foi o padre Tarcísio Cesar de Oliveira Pinto.

Integrantes das Polícias Civil e Militar participaram ativamente da homenagem, demonstrando também integração espiritual. “É um momento único, que os policiais reservam para rezar e louvar São Sebastião. Também é um fator de aproximação das polícias com a sua comunidade”, disse o delegado seccional de polícia de Avaré, Jorge Cardoso de Oliveira.

A festa foi realizada com foco no tema “Justiça e Paz”, simbolizada no Salmo 85.9: “Amor e verdade se encontrarão, justiça e paz se abraçarão”. Segundo os organizadores, o objetivo foi chamar a atenção para a importância das atividades policiais na construção de uma cultura de paz, sobretudo quando se prioriza a prevenção e a solução dos conflitos por meio da promoção do entendimento entre as partes.

Entre as autoridades e lideranças presentes estavam o prefeito da Estância Turística de Avaré, Paulo Dias Novaes Filho, o presidente da 67ª Subseção da Ordem dos Advogados do Brasil, César Piagentini Cruz, o vice-presidente da Câmara Municipal, vereador Marcelo José Ortega, o médico-legista chefe do IML de Avaré, José Carlos de Arruda Campos, e o capitão PM André Nazário, representando o Comando da Polícia Militar local.

Destaque também para a participação intensa da comunidade, tanto na carreata quanto na celebração da missa.


Por Cristiano F. Martins – Setor de Comunicação da Delegacia Seccional de Avaré

Operações Policiais : Polícia Civil de Pirapozinho realiza Operação Rocha
21/01/2014 18:40:00 (1068 leituras)

A Polícia Civil do município de Pirapozinho, região do Deinter 8 – Presidente Prudente, no curso de investigações, deflagrou hoje (21) a finalização da operação “Rocha”. A ação visou combater especialmente o tráfico de entorpecentes, mas também deteve crimes como associação ao tráfico, porte de arma e receptação.

Foram lavrados três flagrantes, sendo dois por tráfico e um por porte de arma de fogo, e efetuadas seis capturas por mandado de prisão, além das 10 buscas realizadas. No final dos trabalhos, nove indivíduos foram presos.

A operação “Rocha” iniciou-se há cerca de seis meses, baseadas em técnicas de inteligência policial, que confirmaram a permanente atividade dos indivíduos com o tráfico de entorpecentes naquele município e nos vizinhos, além da lavagem do dinheiro obtido com a venda das drogas, em especial com a compra de veículos. A droga era sistematicamente vendida e trocada por objetos de origem ilícita.

Nas ações, foram apreendidos: 230,00 gramas de maconha; uma arma de fogo tipo revólver calibre 32, totalmente municiado; diversas munições avulsas; diversos tipos de aparelhos celulares; um veículo VW/Santana; um veículo VW/Gol; uma motocicleta marca Falcon e um aparelho de som.

Os indivíduos presos foram encaminhados ao CDP de Caiuá, onde permanecem à disposição da Justiça.

Participaram dos trabalhos todos os policiais civis de Pirapozinho, além de outros policiais das cidades da região, especialmente convocados para esta Operação.

Fonte e fotos: Deinter 8 - Presidente Prudente (com adaptações)

Operações Policiais : Polícia Civil detém menor de 16 com drogas em Araçatuba
21/01/2014 09:27:10 (597 leituras)

Policiais civis do GOE (Grupo de Operações Especiais) do Deinter-10 de Araçatuba, apreenderam quase um quilo de drogas, entre cocaína e maconha, na noite desta segunda-feira (20), em Araçatuba (SP). Os entorpecentes estavam em sacos plásticos sob uma pilha de telhas em uma residência no bairro Alvorada, periferia da cidade.

Um adolescente de 16 anos foi detido no local e admitiu ser o proprietário das drogas. Após prestar depoimento, o adolescente foi liberado para um responsável legal. O caso será encaminhado à Promotoria da Infância e Juventude de Araçatuba.

Além do meio quilo de cocaína, os policiais civis apreenderam um tablete com cerca de 500 gramas de maconha e uma balança de precisão. A polícia acredita que a maconha seria dividida em porções para o comércio no varejo.

Os investigadores apreenderam, ainda, cerca de mil pinos vazios de plástico - conhecidos como ‘eppendorf’ - material normalmente usado para embalar cocaína. Além disso, foram recolhidos, no local, joias, bijuterias, celular e um arco e flecha - materiais que terão a procedência investigada.

Roberto Alexandre
Assessoria de comunicação do Deinter-10 (Araçatuba)

Operações Policiais : Matagal usado como desmanche na Zona Leste
21/01/2014 09:20:00 (948 leituras)

A Polícia Civil deteve três jovens e um adolescente, de 15 anos, desmanchando um carro furtado. Um quinto envolvido, dono de uma loja de autopeças, que receberia o material, também acabou preso. A ação aconteceu no final da manhã de ontem (20) em um matagal no bairro Iguatemi, na Zona Leste. Integrantes da 4ª Divecar (Delegacia de Investigações sobre Fraudes Contra Seguros) do Deic (Departamento Estadual de Investigações Criminais) apuravam a ação do grupo havia 10 dias. A equipe também encontrou a carcaça de outro automóvel com queixa de furto.
 
A equipe da 4ª Divecar apurava o esquema no qual ladrões de carros utilizavam dos serviços dos jovens para desmanchar veículos e repassar o material às lojas de autopeças. As investigações revelaram que o desmonte ocorria em um matagal nas proximidades do número 7.700 da avenida Ragueb Chofhi.
 
Os policiais passaram a monitorar a região. A equipe flagrou o grupo desmontando um Fiat Pálio vermelho. O veículo tinha sido furtado na Vila Paulicéia, em São Bernardo do Campo, no Grande ABC, na sexta-feira (17).
 
O cerco possibilitou as detenções dos ajudantes A.D.S., de 21 anos, A.S., e I.Q.A., ambos de 19, e do adolescente. No local também estava à carcaça de uma picape Fiat Strada, furtada na quinta-feira (16), no bairro Ponte Grande, em Guarulhos, na Grande São Paulo.
 
O comerciante W.P.G., de 20 anos, dono da loja que receberia o material, preferiu se antecipar e se entregou aos policiais. O delegado Sérgio Nórcia, titular da 4ª Divecar, autuou os quatros envolvidos e o adolescente por receptação e formação de quadrilha. Os maiores também responderão por corrupção de menor.


Maurício Rodrigues 
Assessoria de Comunicação Deic

Noticias em Geral : Programa de metas e bônus é apresentado pelo governador às polícias
20/01/2014 20:55:38 (4296 leituras)

O governador Geraldo Alckmin, acompanhado do secretário da Segurança Pública, Fernando Grella Vieira, do delegado geral de polícia, Luiz Mauricio Souza Blazeck, e do comandante geral da Polícia Militar, Cel. Benedito Roberto Meira, apresentou a mais de 2 mil representantes das Polícias Civil, Militar e Técnico-Científica, nesta segunda-feira (20), no Palácio dos Bandeirantes, o programa de metas para todos os policiais do Estado, que poderão receber bonificação salarial a partir do mês de abril deste ano, pela diminuição da criminalidade a patamares preestabelecidos neste projeto.

O Projeto de Lei que cria o programa foi enviado pelo governador à Assembleia Legislativa no último mês de dezembro e tem previsão de aprovação em fevereiro, com efeito retroativo a janeiro. “O programa é da Secretaria da Segurança Pública, das polícias e da sociedade civil, é um produto de milhões de debates em que todos os segmentos contribuíram para que nós pudéssemos formatá-lo. Não representa o anseio de apenas um segmento”, disse o secretário da Segurança Pública, Fernando Grella Vieira. O programa foi elaborado em parceria com o Instituto Sou da Paz.

“A integração das polícias será fortalecida e o mérito daqueles policiais que mais se esforçarem no cumprimento do dever será premiado. O bônus vem para premiar aqueles que vão além do cumprimento do dever”, defendeu Grella.

“Nós vamos atacar os principais indicadores criminais, divididos em três núcleos: crimes que tiram a vida, ou seja, homicídios dolosos e latrocínios (roubos seguidos de morte), crimes com grande volume de ocorrências de impacto social, que são os roubos, e os crimes importantes na cadeia da economia criminosa, os roubos e furtos de veículos”, explicou o secretário.

Para este primeiro trimestre, as metas do programa para todo o Estado são: diminuição de 23% dos roubos, de 25% dos roubos e furtos de veículos e 21% de homicídios dolosos e latrocínios.

O programa prevê uma divisão geográfica em três níveis: estadual (resultado do trabalho policial de de todo o Estado), regional (resultado obtido na região abrangida por cada unidade policial do Estado) e de área compartilhada (onde será computado o resultado do trabalho conjunto das três polícias de uma mesma localidade, por exemplo, o Departamento de Polícia Judiciária do Interior 7 – Sorocaba, da Polícia Civil, juntamente com o Comando de Policiamento do Interior 7 – Sorocaba, da Polícia Militar, e as unidades do Instituto de Criminalística e do Instituto Médico Legal de Sorocaba, ambos da Polícia Técnico-Científica).

Todas as regiões foram definidas a partir do padrão de unidades policiais existentes, como exemplos, os Departamentos de Polícia Judiciária do Interior de 1 a 10 (Deinter 1 a 10), e em razão do impacto de suas ações perante a sociedade, unidades especializadas das polícias também farão parte do programa, como exemplo o Departamento Estadual de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

Cada uma dessas divisões tem uma meta a ser atingida, e essas metas (que serão periodicamente revisadas) são diferenciadas, ou seja, definidas para cada região e área de acordo com critérios de densidade demográfica, histórico de ocorrências (há locais com maior e com menor incidência de homicídios dolosos, latrocínios, roubos em geral, roubos e furtos de veículos) e localidade: se são residenciais, comerciais ou rurais.

De acordo com o cumprimento da meta estabelecida para o seu local de trabalho é que o policial receberá o bônus chamado padrão.



Valores dos bônus

O programa de metas e bonificação adota um sistema de cores: o verde indica que a meta foi atingida, o amarelo, que faltou até 3% para a meta ser atingida e o vermelho, que faltou mais de 3% para a meta ser atingida. E o pagamento do bônus ao policial (que será efetuado até o dia 25 do mês seguinte a cada trimestre) será realizado de acordo com a combinação das cores atribuídas ao Estado e a cada área compartilhada.

Se todo o Estado e determinada área compartilhada atingirem as metas (ambos verdes), o bônus pago a cada policial da região que cumpriu o objetivo (novamente como exemplo, os policiais do Deinter 7, CPI 7, IC e IML de Sorocaba) será de R$ 2 mil;

Se a área compartilhada atingiu a meta (verde), mas o Estado está até 3% abaixo dela (amarelo), o bônus passa a R$ 1,5 mil;

Se a área compartilhada atingiu a meta (verde), mas o Estado está mais de 3% abaixo da meta (vermelho), o bônus é de R$ 1 mil;

Se o Estado atingiu a meta (verde), mas a área compartilhada está até 3% abaixo dela (amarelo), o bônus é de R$ 1,5 mil;

Se Estado e área compartilhada estão até 3% abaixo da meta (ambos amarelos), o bônus é de R$ 1 mil;

Se o Estado está mais de 3% abaixo da meta (vermelho) e a área compartilhada está até 3% abaixo da meta (amarelo), o bônus é de R$ 500,00; e

Se o Estado e a área compartilhada estiverem mais de 3% abaixo da meta (ambos vermelhos), o bônus será de R$ 250,00.

Um policial de unidade especializada, como o DHPP, entre outros, receberá o bônus trimestral de acordo com os resultados gerais obtidos no Estado. Policiais que trabalham em atividades puramente administrativas, de direção e de comando não participarão do programa, como explicou Fernando Grella, “porque não contribuem em termos imediatos na impactação da redução dos indicadores criminais”.

Além do padrão, há também um bônus adicional, que poderá ser dado a cada policial que integra as cinco áreas compartilhadas que tiverem as maiores baixas criminais além da meta estabelecida.

O valor anual do bônus padrão que um policial pode receber é de R$ 8 mil (a cada três meses, R$ 2 mil) e sendo o adicional trimestral de R$ 3 mil, o bônus anual máximo passa a ser de R$ 20 mil (R$ 8 mil do padrão + R$ 12 mil dos adicionais).


Diminuição dos bônus

O aumento dos casos de latrocínio, ainda que os de homicídios dolosos diminuam, e o aumento do número de mortes por intervenção policial (ambos em relação ao mesmo período do ano passado) causarão, cada um, uma redução de 10% dos bônus.

Serão 10% a menos no bônus caso isso ocorra na área compartilhada, outros 10% se ocorrer também regionalmente e outros 10% se ocorrer em todo o Estado. No total, em caso de aumento dessas ocorrências nas três divisões, o desconto do bônus chegará a 30%. Cada um desses casos será avaliado pelo secretário da Segurança Pública.

Segundo Fernando Grella, na Capital e na Grande São Paulo, o desconto não será de 10%, mas de 5%, podendo então chegar a 15% no total.


Canal de comunicação

Cada policial participante do seminário no Palácio dos Bandeirantes recebeu uma cartilha sobre o programa, com as metas específicas para sua área de trabalho.

Todos os policiais do Estado têm ainda um canal de comunicação com a Secretaria da Segurança Pública para sanar dúvidas sobre o programa, é o e-mail sistemademetas@sp.gov.br . Na sede da SSP haverá um escritório de gerenciamento do projeto, que acompanhará o seu desenvolvimento..


Por Kerma Matos Oliver

« 1 ... 40 41 42 (43) 44 45 46 ... 335 »
Ultimas prisões - operações - apreensões
Creative Commons License
O conteúdo deste site esta licenciado sob (This work is licensed under a) Creative Commons Atribuição-No Derivative Works 3.0 Brasil License.
Permitida a reprodução, apenas se citadas a fonte e autoria
-
Enviar por email Comunicar erros Receber Boletim Imprimir Mapa do site
RSS
Polícia Civil do Estado de São Paulo - R. Libero Badaró 39 - São Paulo/SP - CEP 01009-000